Clube Português do Golden Retriever

                                                                                                                 Atualizado a 29 novembro : Novidades!!! Segunda especializada do CPGR


A saúde do Golden Retriever


Sh.CH. Marjamez Midnight Cowboy at Westervane. aos nove anos. Prop. da Sra Margaret Henderson

Necessidades diárias de um Golden Retriever:


* O Golden Retriever, ou o “Goldie” foi, originariamente, um cão de trabalho que cobrava caça em diversos tipos de terrenos. A raça, ao longo das décadas, adaptou-se a muitos papéis como de cão-guia para os Invisuais e outros tipos de Cão de Assistência. É um animal de estimação popular mas requer uma correta sociabilização em cachorro.

Como é um cão de tamanho grande, necessita de fazer longos passeios e fazer exercício sem trela. Tem um pêlo forte que cai pelo menos uma vez por ano, e necessita de ser penteado, pelo menos, duas vezes por semana.


Coeficiente de consanguinidade - COI

* (Deve ser o mais baixo possível) A média de COI é de 9.4%


Exames de saúde que o criador do seu cachorro deve- lhe apresentar dos progenitores:


Olhos: Displasia multifocal da retina (MRD); Cataratas hereditárias (HC); Atrofia progressiva da retina (PRA) (provoca uma gradual perda de visão); Glaucoma primário (G);


Displasia da anca: (É a malformação das articulações dos quadris causando dor e incapacidade.) É um problema sério na raça e é desejado que os progenitores tenham o menor nível possível (A-B-C-D-E). Não são aconselhados cruzamentos com cães com níveis acima de C.


Displasia do cotovelo: (É a malformação da articulação do cotovelo causando dor e incapacidade, provoca cotovelos inchados e fracos: Idealmente ambos os progenitores devem ter uma média de 0:0 ou o mais baixo possível. Se um dos progenitores tiver nível um de displasia dos cotovelos em um deles ou nos dois, o outro progenitor deverá ter 0 em ambos. É um problema comum na raça.


Neste momento já existem muitos testes de ADN disponíveis, feitos através de saliva ou sangue, por exemplo:

- Atrofia progressiva da retina (PRA prcd)

- Atrofia progressiva da retina (GR_PRA1)

- Atrofia progressiva da retina (GR_PRA2)

- Distrofia muscular (MD)

- Mielopatia degenerativa (DM)

- Ichthyosis (ICT-A)


Quando pesquisar pela correta ninhada para si tenha atenção a:

- As cadelas não devem ter ninhadas antes dos dois anos.

- As cadelas deverão de ter, pelo menos, 12 meses de descanso entre ninhadas.

- Os criadores que sejam sócios do Clube Português do Golden Retriever não deverão ter mais do que quatro ninhadas ao longo da vida de cada cadela.

Peça ao criador para lhe mostrar os certificados dos exames de ambos os progenitores: ancas, cotovelos, exame anual dos olhos e PRA 1 & 2. Se o criador não fez algum destes exames (poderá haver boas razões), tente saber porquê.


Outras doenças para as quais não existem testes:


Cancro: (A raça tem uma elevada incidência de vários tipos de cancro) Histiocitose maligna (um sistema múltiplo, cancro de rápido progresso); Hemangiosarcoma (tumor maligno agressivo das células sanguíneas do tecido mole); Osteossarcoma (cancro dos ossos); Linfoma; Melanoma (oral, olhos), tumor de mastócitos; Sarcoma dos tecidos moles; Tiróide; TrichoepiteliomaIdiopathic.


Doenças cardíacas: Estenose subaórtica (estreitamento da válvula cardíaca); Derrame do pericárdio (criação de fluido ao redor do coração).


Entropia: (É quando as pestanas estão para dentro em vez de para fora causando dor, irritação e danos ao olho.


O hipotiroidismo: (insuficiência da tiróide - susceptibilidade a infeções e efeitos em vários órgãos do corpo - pode ser grave e prolongado).


* Converse com o criador acerca da saúde dos progenitores e avós. Este deverá fornecer-lhe informações.

Pergunte acerca da política do criador sobre casos sérios de doenças genéticas que possam vir a acontecer ao longo da vida do seu exemplar. Bons criadores irão querer ser informados de forma a melhorar futuras decisões no seu programa de criação.